Webmail

Em Passo Fundo, banrisulenses paralisaram três agências até às 12 horas ontem
24/09/2010

No Dia de Luta dos funcionários do Banrisul, realizado ontem, três agências do banco em Passo Fundo - São Cristóvão, General Neto e Avenida Brasil (Boqueirão) - tiveram sua abertura retardada até às 12 horas. Os trabalhadores aderiram em grande número à paralisação chamada pelo Sindicato dos Bancários de Passo Fundo e Região e a Fetrafi-RS dando uma bela demonstração de coragem e de vontade de verem seus direitos respeitados pela diretoria e de que o banco possa ser democratizado e administrado com a transparência que é exigida de um banco público e que o povo gaúcho merece.

Além de começar a “aquecerem as turbinas” para a greve nacional da categoria bancária, marcada para o dia 29, tendo em vista a magra proposta, de 4,29% de reajuste salarial, apresentada pela Fenaban na quarta-feira, os banrisulenses protestaram também contra o descaso da diretoria do banco para com suas reivindicações.  Ainda no dia 25 de agosto, o Comando Nacional dos Banrisulenses entregou oficialmente a pauta específica de reivindicações à diretoria e esta, já tendo passado um mês, não se dignou a chamar os representantes dos funcionários para discutí-la.  Os trabalhadores protestaram também contra as fraudes na alta cúpula do banco detectadas pela Operação Mercari da Polícia Federal.

Agora, é construir a participação na greve nacional dos bancários para arrancar proposta melhor dos banqueiros.


Secretaria de Imprensa e Divulgação