Webmail

A proposta de acordo feita pela Caixa Econômica Federal
14/10/2013

Na retomada da negociação das questões específicas dos empregados, realizada nesta sexta-feira (11) depois da reunião com a Fenaban, em São Paulo, a Caixa Econômica Federal apresentou ao Comando Nacional dos Bancários uma série de propostas, entre elas a de que agências com até 15 empregados não terão mais horas compensadas. A partir de janeiro de 2014, todas as horas extras realizadas nessas dependências serão pagas.

"Essa é uma das principais reivindicações dos empregados aprovadas no 29º Conecef e sua conquista é resultado da mobilização dos empregados em todo o país", afirma Jair Pedro Ferreira, coordenador da Comissão Executiva dos Empregados da Caixa.

Por isso o Comando Nacional dos Bancários está orientando as assembleias a aprovarem a proposta das reivindicações específicas da Caixa.

A proposta completa da Caixa pode ser lida acessando http://www.contrafcut.org.br/download/Arquivo/1310111874.pdf .
 


Fonte: Contraf-CUT - 11/10/2013