Webmail

Comando exige novos critérios para metas em negociação com o Banrisul
12/09/2011

Na abertura das negociações entre a direção do Banrisul e o movimento sindical nesta sexta-feira, dia 9,os banrisulenses apresentarama sua pauta específica de reivindicações. O segundo encontro será na terça-feira, dia 13, às 15h, na Direção Geral.O Comando apontou a necessidade de resolver antigos problemas como a melhoria das condições de trabalho e saúde; a valorização das funções (caixa, plataformistas, operadores e gerente de negócios); o fim das metas abusivas; piso do Dieese; novo Plano de Carreira e Fundação Banrisul e Cabergs.

Os dirigentes sindicais salientaram os quatro pilares do planejamento estratégico do banco: o aumento do crédito; a priorização do atendimento ao cliente; a inovação tecnológica, mas criticaram a redução de despesas.

Os banrisulenses apontam que o corte de despesas chegou a uma situação insustentável e precisa ser revisto pela atual gestão. A GMD (Gestão de Metas e Despesas) tem desagradado ao funcionalismo, pois a política adotada reduz as horas extras, corta o fornecimento de material de expediente, obriga o desligamento de equipamentos importantes para o bem estar dos trabalhadores e clientes como condicionadores de ar.

Já os representantes do banco ainda não se posicionaram sobre os itens da pauta. Na próxima reunião serão discutidos dois temas (metas e remuneração variável), além da definição deum calendário de negociações. O objetivo é debater todos os pontos da minuta de reivindicações.

O movimento sindical esteve representado por diretores da Fetrafi-RS, Denise Corrêa e Carlos Augusto Rocha, pelo presidente e diretores do SindBancários, por membros do Comando dos Banrisulenses e além de delegados sindicais. O presidente Tulio Zamin, o vice, Flavio Luiz Lammel, o diretor de crédito, Guilherme Cassel, o diretor operacional e de atendimento, Ivandre de Jesus Medeiros, o diretor de controle e risco, Luiz Carlos Morlin, o diretor de tecnologia da informação, Joel Raymundo, o superintendente da unidade de gestão de pessoas, Gaspar Saikoski e o gerente executivo da gerência de administração de pessoal, Luiz Fernando Spader, representaram o Banrisul.

 

*Imprensa SindBancários com edição da Fetrafi-RS