Webmail

Banrisulenses atualizam pauta de reivindicações
30/08/2011

O 19º Encontro Nacional dos Banrisulenses, realizado no dia 20 de agosto, no Hotel Embaixador, em Porto Alegre promoveu amplos debates sobre a pauta específica dos funcionários do Banrisul. O evento reuniu 263 delegados oriundos das bases de 30 sindicatos filiados à Fetrafi-RS, com participação de 175 bancários e 88 bancárias.


Após um dia inteiro de painéis e discussões sobre temas relacionados ao cotidiano dos banrisulenses, os participantes do Encontro deliberaram pela atualização da pauta específica, que será entregue à diretoria do banco no dia 1º de setembro, quinta-feira. No mesmo dia a Fetrafi-RS e seus sindicatos filiados promovem a primeira grande atividade da Campanha Salarial 2011. Uma ampla programação está sendo organizada para dar visibilidade à Campanha e mobilizar a categoria.



Na avaliação dos banrisulenses, a necessidade de aumentar o piso será uma das prioridades para as negociações específicas deste ano. Além disso, os funcionários querem receber as diferenças de 5,5% perdidas em relação às negociações da Fenaban; a criação de uma comissão específica para discutir, avaliar e indicar propostas para a crise financeira do Plano 1 da Fundação Banrisul; isonomia de direitos para afastados em tratamento de saúde; redefinição dos prazos para finalização da proposta de Plano de Carreira no Banrisul; o fim das metas abusivas com revisão dos critérios da remuneração variável com extensão do benefício a todo o quadro de funcionários

Fóruns Específicos

No fim do 19º Encontro foram escolhidos os membros do Comando dos Banrisulenses, que assumem suas funções no mês de setembro. Também foram indicados os representantes dos funcionários nas comissões de Saúde e Segurança.

Retrospectiva

Em 2010, a participação massiva dos banrisulenses na greve geral da categoria bancária obrigou a direção do banco a voltar à mesa de negociação específica. Os funcionários manifestaram sua indignação diante do descaso do banco quanto à pauta de reivindicações do quadro.

Além das questões relacionadas à remuneração, os banrisulenses reafirmaram a importância de discutir a política de metas e da elaboração de um novo plano de carreira, a fim de viabilizar a evolução profissional dos trabalhadores da instituição.

 

*Imprensa Fetrafi-RS