Webmail

Artigo: "Quem tornou os bueiros explosivos?"
18/08/2011

Paulo Metri, conselheiro da Federação Brasileira de Associações de Engenheiros, escreveu artigo em que aborda a questão das constantes explosões de bueiros na cidade do Rio de Janeiro que têm gerado pânico e feito vítimas fatais. Para Metri, a constância dos “acidentes” pode ser explicada pela “corrida obstinada” das empresas privadas pelo lucro que as “induz a desrespeitar a vida”. A seguir, reproduzimos alguns trechos do artigo de Metri:

“A ganância da empresa francesa EDF [Électricité de France], que arrematou a estatal brasileira Light por preço baixo, em 1996, em um leilão de privatização, é uma das grandes causas dos bueiros estarem explodindo. De posse da Light, a EDF só se preocupou, durante anos, em remeter lucro para sua matriz. E para maximizar este lucro, não teve um mínimo momento de hesitação em cortar pessoal experiente, terceirizar serviços a custo mais barato e com pior qualidade, dispensar a manutenção preventiva e não reinvestir na expansão da empresa e na reposição de equipamentos antigos.”

“Para finalizar, notem que vivemos em um mundo em que bueiros sempre existiram e não explodiam. A distribuição de energia elétrica no Brasil sempre foi realizada, até os anos 90, por empresas estatais, com raras exceções. Com o grau atual de conscientização política do nosso povo, empresas privadas não são boas prestadoras de serviço público, mesmo que existam órgãos fiscalizadores, pois estes são necessariamente capturados pelos agentes econômicos. Mesmo com a negação dos neoliberais, a verdade é que as estatais têm muito mais preocupação com a sociedade que as empresas privadas. A não existência, nas estatais, de uma corrida obstinada para o lucro não as induz a desrespeitar a vida.”

“Os bueiros são minas terrestres deixadas pelo exército neoliberal inimigo, explodindo retardadamente. Quantas outras armadilhas deles ainda restam na nossa economia, prestes a explodir, formando um verdadeiro entulho neoliberal?”


Para ler a íntegra do artigo de Paulo Metri, acesse

http://www.viomundo.com.br/denuncias/paulo-metri-quem-tornou-os-bueiros-explosivos.html



Secretaria de Imprensa e Divulgação