Webmail

Tem início as reuniões dos Comitês do Saúde Caixa nas Gipes por todo país
15/03/2010

O trabalho dos comitês de assessoramento do Saúde Caixa nas 15 Gerências de Filial de Pessoas da Caixa (Gipes) em todo país teve início em 5 de março. Os Comitês são formados por membros indicados pelas entidades representativas dos trabalhadores e da empresa. 

O objetivo é apresentar soluções e alternativas aos problemas de credenciamento e descredenciamento de profissionais do plano de saúde, trabalho que não tem sido realizado a contento pelas Gipes. 

O regimento interno prevê que os encontros ordinários desses comitês ocorram antes da reunião do Conselho de Usuários, que acontecerá em 19 de março, em Brasília (DF). Nessas primeiras reuniões os representantes devem fazer um levantamento das principais carências nas regiões abrangidas por cada Gipes (Gerências de Filial de Pessoas), com o devido registro em ata.

Conquista dos empregados 

Aprovada em julho de 2009, a criação dos comitês constitui uma vitória dos empregados depois de anos de reivindicação de um canal de comunicação direto entre os assistidos pelo Saúde Caixa e a direção do banco. 

A indicação dos membros dos comitês aconteceu em fevereiro deste ano e, a primeira reunião, em 5 de março. 

Em Belém (PA) e Goiânia, as reuniões foram realizadas na última sexta-feira, 5 de março. Na capital Paraense foi realizado um mapeamento sobre a realidade do Saúde Caixa e o credenciamento. Houve também um debate entre os integrantes do comitê a respeito da realidade, dificuldades e objetivos do Saúde Caixa.

Em Goiânia foram debatidos os diversos problemas enfrentados com o Saúde Caixa na área de abrangência da Gipes/GO, principalmente nas unidades do interior do Mato Grosso do Sul, onde o atendimento ainda está com mais problemas do que na Capital. Foi deliberado que os membros do comitê deverão trabalhar em parceria com a Gipes, SR, entidades, gestores e usuários na busca de soluções para as diversas dificuldades enfrentadas atualmente.

No Estado de São Paulo a representação dos empregados e da Caixa reuniram-se no âmbito da Gipes Campinas e Bauru. Na capital o encontro não aconteceu no dia previsto e nova data deve ser agendada em breve. 

Depois desse primeiro encontro, os membros indicados pelas entidades representativas avaliaram positivamente os desdobramentos das reuniões. 

"Foram expostos os regimentos que norteiam o funcionamento do Saúde Caixa e, também, os problemas encontrados para o credenciamento de profissionais, clínicas e hospitais", comentou a diretora da APCEF/SP e do Sindicato dos Bancários de Rio Claro, Silvana Anaruma, participante do comitê na Gipes Campinas. "Essa tomada de conhecimento global do plano de saúde será muito importante para a eficiência e o sucesso do nosso trabalho nos comitês", concluiu. 

De acordo com o representante dos empregados no comitê da Gipes Bauru, José Luiz Carminatti, que também é diretor do Sindicato de Catanduva, ficou acertado que os componentes do grupo colherão informações junto aos beneficiários do Saúde Caixa de suas regiões para a discussão de melhorias já a partir da próxima reunião. 

"O início dos trabalhos representa um avanço no esforço dos empregados em melhorar o precário atendimento do plano de saúde", afirmou o diretor-presidente da APCEF/SP, Sérgio Takemoto. 


Fonte: Contraf-CUT, com Fenae e APCEF/SP - 12/03/2010