Webmail

Após pressão, Itaú Unibanco melhora PCR e antecipa R$ 700 no dia 4 para todos
01/09/2009

O Itaú Unibanco anunciou nesta segunda-feira, dia 31 de agosto, em negociação com as entidades sindicais, o pagamento de R$ 700 para todos os funcionários a título de antecipação da Participação Complementar nos Resultados (PCR) na próxima sexta-feira, dia 4 de setembro. A reunião aconteceu na sede do Sindicato dos Bancários de São Paulo.

O valor total da PCR ficará entre R$ 1.500 e R$ 2.000, variando de acordo com o lucro a ser obtido pelo banco no final do ano (veja abaixo). A negociação anterior, realizada no último dia 26, terminou em impasse. Os representantes dos trabalhadores rejeitaram a proposta inicial do banco que propunha PCR de R$ 1.100, com antecipação de R$ 500, ao mesmo tempo em que cobraram uma proposta maior e satisfatória.

"Apesar de ainda não ser ideal, o banco melhorou sua proposta e superamos o impasse atingido anteriormente. O pagamento para todos os bancários, incluindo os trabalhadores do Unibanco, é um avanço importante", avalia Jair Alves, um dos coordenadores da Comissão de Organização dos Empregados do Itaú Unibanco.

Valor da PCR de acordo com o lucro do banco:

Lucro Líquido de R$ 10,800 bi - PCR de R$ 1.500,00
Lucro Líquido de R$ 12,660 bi - PCR de R$ 1.750,00
Lucro líquido de R$ 13,900 bi - PCR de R$ 2.000,00

Fonte: Contraf-CUT – 31/08/2009