Webmail

Banrisul lucra R$ 419 milhões nos nove primeiros meses de 2008
13/11/2008

 

O lucro líquido consolidado, de janeiro a setembro de 2008, somou R$ 419,0 milhões. No mesmo período do ano passado, o lucro líquido consolidado registrou R$ 801,8 milhões

 

Os resultados, em ambos os períodos, estão impactados pela ativação de créditos tributários e débitos fiscais diferidos de Imposto de Renda e Contribuição Social sobre diferenças temporárias referente a períodos anteriores, no valor de R$ 528,5 milhões, em 2007, e de R$ 86,2 milhões em 2008.

 

Excluídos os efeitos provenientes de créditos tributários, o lucro líquido acumulado de janeiro a setembro de 2008, R$ 332,8 milhões, supera em R$ 59,5 milhões ou 21,8% o resultado gerado no mesmo período de 2007, que foi de R$ 273,3 milhões. No terceiro trimestre de 2008, o lucro líquido consolidado somou R$ 110,7 milhões com crescimento de 9,5% sobre o resultado registrado no segundo trimestre deste ano.

 

O resultado acumulado de janeiro a setembro de 2008 corresponde a uma rentabilidade anualizada de 19,8% calculada sobre o Patrimônio Líquido Médio. Em setembro de 2008, o Patrimônio Líquido alcançou R$ 2.971,4 milhões, com crescimento de 9,1% sobre igual período de 2007 e 2,2% em relação a junho de 2008.

 

O Resultado Bruto da Intermediação Financeira (RBIF) acumulado de janeiro a setembro de 2008, R$ 1.206,8 milhões, supera em 18,3% o obtido no mesmo período do ano passado. No terceiro trimestre deste ano, o RBIF é R$ 12,6 milhões maior que o registrado no segundo trimestre de 2008. No acumulado de nove meses e no terceiro trimestre de 2008, o desempenho reflete o maior volume de receitas de crédito, decorrentes do crescimento do volume de operações, bem como o maior volume de receitas de tesouraria.

 

Os Ativos consolidados alcançaram, em setembro de 2008, R$ 25.505,9 milhões, com incremento de 27,0% sobre setembro de 2007 e de 9,8% em relação a junho de 2008.

 

Apesar do aprofundamento da crise financeira internacional, o dinamismo da economia doméstica, no terceiro trimestre deste ano, refletiu o crescimento do emprego e da massa salarial, a elevação da lucratividade das empresas e, em especial, as boas condições de financiamento. A utilização de crédito bancário para atendimento das necessidades de giro se manteve elevada. As operações de crédito do Banrisul somaram R$ 10.917,7 milhões ao final de setembro, com expansão de 51,0% em relação ao mesmo mês do ano anterior e 9,7% no último trimestre.

 

A Carteira Comercial totalizou R$ 7.980,6 milhões, com crescimento de 62,3% em doze meses e de 11,3% nos últimos três meses. As operações com Pessoas Físicas totalizaram R$ 3.743,2 milhões em setembro de 2008, com incremento de 47,9% na comparação com setembro do ano passado e de 8,6% em relação a junho de 2008. As operações de Crédito Comercial com Pessoas Jurídicas somaram R$ 4.237,4 milhões ao final de setembro de 2008, com expansão de 77,4% comparativamente a setembro de 2007 e de 13,8% em relação ao segundo trimestre de 2008.

 

Os Recursos Captados e Administrados atingiram saldo de R$ 19.205,2 milhões em setembro de 2008, com crescimento nominal de 20,5% em relação à posição registrada em setembro de 2007 e de 5,1% sobre junho de 2008. Os depósitos alcançaram, em setembro de 2008, R$ 13.414,9 milhões, com expansão de 18,6% sobre setembro de 2007 e de 3,2% sobre junho de 2008. Os Recursos de Terceiros Administrados atingiram R$ 5.790,3 milhões, com incremento de 25,0% em relação a setembro do ano anterior e de 9,9% frente junho de 2008.

 

O Banrisul recolheu e provisionou, até setembro de 2008, R$ 294,6 milhões em impostos e contribuições próprios. Os tributos retidos e repassados, incidentes diretamente sobre a intermediação financeira e demais pagamentos, alcançaram R$ 318,1 milhões.

 

Fonte: Banrisul com edição do Sindicato dos Bancários de Caxias do Sul