Webmail

Chapa 2 vence eleições ao Conselho do Saúde Caixa
21/12/2007

Nove chapas disputaram o pleito e a 2 venceu com 25,97% dos votos (5.216). Ao todo, 20.081 associados participaram das eleições. A Chapa 2 representa o movimento sindical bancário, e foi constituída para defender as propostas aprovadas durante os Congressos Nacionais dos Empregados da Caixa (Conecefs). O diretor do SindBancários e da Apcef-RS, Jailson Prodes, representa os gaúchos na Chapa.

O Conselho é formado por 10 membros titulares e 10 suplentes, sendo 50% indicados pela Caixa e 50% eleitos pelos participantes. Tem como função fiscalizar a gestão do plano e sugerir mudanças. Apesar de autonomia de atuação, o Conselho não tem caráter deliberativo, pois a Caixa contribui no custeio e, por ser empresa pública, o Plano não pode ter uma gestão independente.

O Conselho

O Conselho de Usuários do Saúde Caixa é uma conquista dos empregados (ativos e aposentados), fruto de discussões ocorridas no âmbito do GT Saúde, em 2003, e reflete as decisões Conecefs que garantiram a sustentabilidade do plano. Além da possibilidade de inclusão de todos os empregados e o compromisso da Caixa em partilhar os custos com os empregados.

Sobre a Chapa 2

Os novos representantes dos bancários no Conselho de Usuários do Saúde Caixa formavam a chapa que teve o apoio da Contraf-CUT. “O resultado das eleições é um reconhecimento do trabalho desenvolvido pelo Conselho de Usuários, embora a primeira gestão tenha tido uma série de dificuldades. O banco deixou de fornecer os relatórios e o balanço anual para que os conselheiros pudessem acompanhar. Agora, a questão que a gente deve debater com o banco é para que o Conselho de Usuários tenha condições de trabalho, com o acesso a todos os relatórios e garantindo a convocação com antecedência para que os conselheiros eleitos possam se preparar”, afirma Plínio Pavão, diretor da Contraf-CUT e coordenador da Comissão Executiva dos Empregados da Caixa. O dirigente destaca que o apoio da Contraf foi dado à Chapa 2 porque suas propostas vão ao encontro dos anseios dos associados do Saúde Caixa. Entre elas estão a implementação de um plano próprio, dentro do programa de saúde, que chegue aos pais e aos filhos com mais de 24 anos dos beneficiários titulares e a implantação de comitês regionais de acompanhamento de credenciamento e descredenciamento. A Chapa 2 tem como titulares Alexandre Severo Silva, Jailson Bueno Prodes, Sérgio Wilson Lima de Amorim, Rogério Antônio Vida Gomes e Laura Augusta Gatti Vitral (aposentada). Os suplentes são Jackeline Machado, Cícero Roberto dos Santos, Umberto Gil Alcon, Flávio Roberto Muller e Armando Filardi (aposentado). O Conselho de Usuários é composto de forma paritária, mas não tem caráter deliberativo. Foi implantado em julho de 2004 e decorreu de um amplo debate entre a direção da empresa e a Contraf-CUT. Surgiu, no entanto, devido à pressão exercida pelo movimento nacional dos empregados.Jailson destaca que a reeleição da Chapa 2 reafirma que os usuários confiam na capacidade dos dirigentes sindicais para cumprir os compromissos assumidos durante a campanha. “Nosso maior objetivo é garantir a transparência na gestão do Saúde Caixa. Em função disso, vamos lutar para implementar os comitês regionais de acompanhamento do processo de credenciamento e da qualidade do atendimento prestado pelo plano”, salienta.

Fonte: Contraf-CUT/SEEB-Porto Alegre/FEEB-RS