Webmail

Bancários de Passo Fundo rejeitam nova proposta da Fenaban
07/10/2013

Em assembleia realizada na sexta-feira, 04, às 16 horas, os bancários de Passo Fundo discutiram novas estratégias para a continuidade do movimento grevista para esta semana.  Foi aprovada a proposta de romper com o rodízio que vinha sendo implementado nos bancos privados, passando a fechar todos eles todos os dias a partir desta semana.

Ainda durante a assembleia, os bancários foram informados da nova proposta que a Fenaban apresentou ao Comando Nacional dos Bancários durante a negociação que foi realizada naquele mesmo dia, a partir das 15 horas, em São Paulo.  Ao terem ciência do teor da proposta, os presentes a rejeitaram mesmo antes de receberem a orientação do Comando Nacional dos Bancários, decidindo fortalecer a greve na base territorial do SEEB-Passo Fundo.

O Coordenador Geral do Sindicato, Setembrino Dal Bosco justificou a rejeição afirmando que "além de propor um índice muito aquém do que está sendo reivindicado pela categoria, a Fenaban nada apresentou quanto a outras importantes reivindicações tais como, a garantia de emprego via a assinatura da Convenção 158 da OIT, a democratização do processo de estabelecimento das metas a serem cumpridas pelos trabalhadores, ou seja, o fim das metas abusivas, e a implementação de Planos de Cargos e Salários em todos os bancos."   Complementando sua afirmação, Dal Bosco foi taxativo: "os trabalhadores têm que continuar a pressão sobre os banqueiros em busca do atendimento de suas demandas, até porque, após essa nova prpoosta da Fenaban, as diretorias dos bancos públicos nem sequer se pronunciaram quanto às pautas específicas de seus funcionários".

 

Fonte: Secretaria de Imprensa e Divulgação - 07/10/2013